Professores da rede municipal conhecem programa ambiental Reviewed by Momizat on . Professoras (es) de Ciências da Secretaria Municipal de Educação (SME) participaram nesta semana de mais uma série de atividades na Estre Ambiental. O Programa Professoras (es) de Ciências da Secretaria Municipal de Educação (SME) participaram nesta semana de mais uma série de atividades na Estre Ambiental. O Programa Rating: 0
Você está aqui:Home » Giro Metropolitano » Faz. Rio Grande » Professores da rede municipal conhecem programa ambiental

Professores da rede municipal conhecem programa ambiental

Professores da rede municipal conhecem programa ambiental

Professoras (es) de Ciências da Secretaria Municipal de Educação (SME) participaram nesta semana de mais uma série de atividades na Estre Ambiental. O Programa de Oficinas Pedagógicas “Cadê o lixo que estava aqui?” é parte do projeto que acontece há oito anos, atinge todos os alunos dos terceiros anos e conta com participação da SME.

Conforme divulgação da assessoria da Estre o programa é um “percurso pedagógico no qual educadores, alunos(as), e demais membros da comunidade escolar têm a oportunidade de dialogar e refletir com profundidade sobre consumo, resíduos e as suas relações intrínsecas. E, a partir disso, pensarem sobre o papel que lhes cabe individual e coletivamente na complexa teia da responsabilidade compartilhada”, informa.

Programa de Oficinas Pedagógicas “Cadê o lixo que estava aqui?”

Para o desenvolvimento do Programa, é proposto um percurso composto por quatro etapas sequenciais que contam com o apoio de materiais didáticos elaborados pelo próprio Instituto Estre:

Passo a passo do Programa 

Oficina para educadores(as): Esse é o primeiro momento de troca em que os educadores(as) ambientais do Instituto Estre têm a oportunidade de compartilhar uma série de informações sobre Educação Ambiental, consumo, resíduos e a relação intrínseca entre eles. São também apresentados aos participantes da oficina os materiais de apoio elaborado pelo próprio Instituto: caderno conceitual e caderno de oficinas direcionado à faixa etária da turma.

Na escola: Com o objetivo de estimular um diálogo inicial, os(as) educadores podem selecionar do conjunto de atividades do caderno de oficinas as que mais se encaixam com o grupo com o qual o diálogo será estabelecido.

Oficina e estudo do meio em aterro sanitário: Conduzido pelos(as) educadores(as) ambientais do Instituto Estre. De forma lúdica, divertida e adequada às idades, busca aprofundar o que foi trabalhado na escola, complementando com exposições e diálogos sobre a importância das destinações ambientalmente corretas, as diferentes tecnologias empregadas no tratamento e valorização dos resíduos.

A oficina pode ser conduzida tanto no espaço da unidades escolares, quanto em um dos três CEAS (Centros de Educação Ambiental) do Instituto Estre. Quando realizada no CEA, a oficina conta com o apoio da maquete pedagógica e inclui o tour a um aterro sanitário da Estre Ambiental como forma de estudo do meio.

De volta à escola: Retomando os materiais desenvolvidos pelo Instituto Estre, os educadores encontram as atividades para facilitar a sistematização e socialização dos conhecimentos e experiências vivenciadas.

A equipe da Estre contou com a coordenadora de Projetos, Heloize Montowski e a assistente de Projetos, Marcela Machnicki.

© 2019 - Jornal Correio do Paraná | Todos os direitos reservados.

Voltar para o topo